Arte, moda, Barbie e Chanel


Encerro a série ‘Barbies Estrambólicas’ com um ícone da moda e uma mulher que revolucionou não só estilo feminino de se vestir como também contribuiu para independência da mulher. Falo de Gabrielle, mais conhecida como “Coco Chanel”.  Chanel foi uma mulher inovadora e de personalidade forte.

Lendo sobre ela vi que esteve sempre ligada às principais correntes artísticas da primeira metade do século 20. Foi amiga do compositor Stravinski - o qual se apaixonou por ela -, o coreógrafo Diaghilev, a bailarina Isadora Duncan, os artistas Jean Cocteau, Picasso, Salvador Dalí e outros igualmente célebres. Moda e arte são irmãs gêmeas, afinal a moda é uma arte. E arte nunca está fora de moda.

Jocelyne Grivaud fez uma linda homenagem à Chanel criando a Barbie-Chanel. Eu particularmente adorei, tando que finalizo minha séria com ela.

"Eu criei um estilo para um mundo inteiro. Vê-se em todas as lojas "estilo Chanel". Não há nada que se assemelhe. Sou escrava do meu estilo. Um estilo não sai da moda; Chanel não sai da moda".
 (Coco Chanel)
 Crédito da imagem:

Fonte:
Postar um comentário

Postagens mais visitadas