A humanidade sabe muito pouco sobre o cosmos - Parte V


Não é apenas a energia escura um mistério para a ciência. Há também a matéria escura. A energia escura e a matéria escura foram propostas para explicar coisas que os cientistas não podem ver, mas sabem que estão lá. 

Por exemplo, as galáxias em espiral geram tanta força centrípeta que seriam arrebentadas se não fosse a gravidade existente nelas. Mas elas não possuem matéria visível o suficiente para produzir a gravidade necessária e isso leva à conclusão de que há algo ali invisível, sem luz, mas com massa: a matéria escura.

Acredita-se que a energia escura domine o universo, constituindo 74% dele. A matéria escura seria 22%, enquanto a matéria normal, tudo aquilo que possui átomos, é apenas cerca de 4% do cosmos. 

Nesta ilustração, a energia escura é representada pela grade roxa. A verde é a gravidade, que emana de todos os objetos do universo, mas tem efeito localizado e não age em grandes distâncias.

Fonte: http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/
Postar um comentário

Postagens mais visitadas